O seu blog de entretenimento.

Crítica: Namorados Para Sempre

Ao vermos o título Namorados Para Sempre, parece que iremos acompanhar mais um filme meloso com excesso de romantismo. Tudo bem, que o tema sempre é querido para os casais apaixonados, mas às vezes é sempre bom assistirmos uma trama que aborda sentimentos de uma maneira intensa e por certas vezes dolorosa. Esta fita não é romântica, é uma história sobre sentimentos e a iminência da perda.

Na trama, conhecemos o casal Cindy (Michelle Williams) e Dean (Ryan Gosling), que na juventude tinham uma paixão avassaladora e com o passar dos anos e a chegada do casamento tudo está se esgotando. Com o desgaste da relação, ambos tentam de alguma forma lidar com as brigas e as rotinas, além de cuidar da pequena filha.

O filme mostra ao mesmo tempo esses dois momentos do casal servindo como um parâmetro de quando era antes e ao ponto que chegou. É nítida a aparência de cansaço quando vemos Cindy e Dean após anos de casamento. Olhares perdidos e sempre cabisbaixos, o distanciamento é visível. E aí quando voltamos para o início da relação acompanhamos exatamente o contrário, como sorrisos e olhares profundos e apaixonantes.
Para quem já engatou um forte relacionamento irá se identificar muito com a trama mostrada por Derek Cianfrance. Namorados Para Sempre foge de todos os clichês possíveis ao mostrar situações e personagens que se deixaram levar pelo irracional e ingenuidade que o amor transmite. Problemas de convivência, dúvidas, intimidade, e a perda do romance é mostrada de uma maneira impecável nesta fita.
Nunca Ryan Gosling e Michelle Williams estiveram tão bem e com uma ótima química. Gosling apresenta o mesmo carisma presente em outros longas, mas é quando interpreta Dean na fase decadente que o ator se destaca. Há uma sequência que apresenta muito bem o que é o personagem Dean. Enquanto Cindy, lida de uma maneira racional que o fim é iminente, Dean é totalmente o oposto. Vemos o choque de sentimentos, o medo da perda e a falsa crença de que tudo será perfeito como antes, quando sabemos que não será.
Já Williams, mostra o porquê da indicação ao Oscar de melhor atriz deste ano. Segura e mostrando um lado emocional cativante, a atriz que possui um rosto ingênuo e apaixonante nos apresenta uma Cindy desconfortável e fria com anos e anos de convivência com Dean.
Enfim, para os casais apaixonados que esperam de Namorados Para Sempre um ótimo programa, talvez este não seja a melhor opção. Mas para quem gosta de filmes sentimentais com emoções intensas, super recomendo.

NOTA: 10/10

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s